Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sentir na Pele

alergias, manias e outras patologias.

Sentir na Pele

alergias, manias e outras patologias.

Futebol, Fátima e Tony

E Portugal é assim um país de tradições e paixões.

E em Maio, o més da liberdade recordo os 3 f's de Salazar...Futebol, Fado e Fátima.

 

Ontem uma imensidão de gente esteve reunida em Fátima para ver passar a Nossa Senhora:

 

 (foto ptjornal.com)

 

Hoje joga o Benfica em Turim, e o bom do Português faz uma grelhada a porta do estádio:

 

 

(foi na reportagens no Primeiro Jornal da SIC que vi os adeptos a grelharem carne… mas online não encontro o excerto)

 

E também hoje o Povo se manifesta ao saber que o seu cantor predileto, que os leva ao delírio, esta hospitalizado:

 (foto sol.sapo.pt)

 

E tudo “aparece” em Maio, Troika fora, futebol, Fátima e Tony! 

Já estamos no ano do Cavalo

Entramos ontem, dia 31 de Janeiro, no ano do cavalo o signo mais yang do velho horóscopo chinês.

E o que é que isso quer dizer:
Este signo é regido pelo elemento fogo, e portanto consideram que é um ano propício para conflitos mas também uma ano de transformações e mudanças.

Prefiro pensar que essas mudanças seram sempre para o melhor!



Bom ano do Cavalo! :)


(Imagem publico.pt)

Praxes?!

Acabei de ver a reportagem especial na CMtv sobre a tragedia no Meco.Até a uns minutos não fazia ideia que poderia estar relacionada com particas de praxe.
Ninguém sabe o que aconteceu, nem venho para aqui "conspirar", vim escrever o que me ocorreu dizer sobre as praxes.

Fui praxada e confesso que não gostei nada. Sentir que temos de obedecer a uma pessoa que nada nos diz não faz sentido! ( porque razão tenho de fazer o que me mandam, quem são estas pessoas... Pensei eu muitas vezes).
Sempre obedeci aos meus princípios, nunca fiz nada "porque sim" e foi para mim muito complicado aceitar participar.

Tive amigas que adoraram fazer parte deste ritual.

Mas sempre vi esta pratica noutra perspectiva...
Podem dizer que as praxes dependem de faculdade para faculdade, concordo!
Que muitas são até divertidas, concordo!

Acontece que elas também são um meio muito fácil para pessoas mal formadas andarem a fazer o que lhes apetece, porque sim...
Sem regras e sem fiscalização! (Por parte das reitorias).
Os alunos podem ter a sorte de encontrarem pessoas respeitadoras dos limites de cada um (físicos e psíquicos), mas outro tipo de gente também aparece.


Se existem um "meio" onde determinadas praticas podem ser feitas sem respeito a dignidade humana, por não existirem formas eficazes de controlo...

Sim sou anti-praxe!